abr 062017
 

Há poucos dias, enquanto esperava pelo início de uma reunião em um cliente, tive a oportunidade de presenciar algo curioso; imagine a cena: 11 pessoas, de uma equipe que começou a utilizar Scrum há poucos meses, reúnem-se em pé em uma “área de convívio” ao lado das salas de reunião e começam a conversar sobre as atividades do projeto.

Tudo levava a crer que a equipe estava realizando sua Reunião Diária, exceto pelo que pude acompanhar…

Não bastasse a duração de cerca de 40 minutos (só lembrando, o Scrum define a duração de 15 minutos para a reunião diária), o que mais chamou atenção naquela reunião foi a dinâmica, que em nada remetia ao que uma boa Reunião Diária deve ter.

Entre as 11 pessoas, havia uma em particular que liderava a reunião. Munida de um check-list com questões que eram feitas a cada participante, a pessoa incluía como em piloto automático o questionamento sobre “quanto estava pronto, de 0 a 100%”; conversas entre os participantes eram quase inexistentes, assim como o debate sobre impedimentos ou oportunidades de colaboração que, certamente, considerando o tamanho do grupo, haveriam ali.

Portanto, por mais que aquela equipe esteja utilizando Scrum e tenha adotado o hábito de se reunir diariamente, aquilo que ocorreu naquele momento não é o que o Scrum define como sendo uma Reunião Diária. Parecia uma Daily, mas estava mais para uma reunião de Status Report e daquelas bem chatas.

 Leave a Reply

(required)

(required)

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>